Intel quer por fim à plataforma USB trocando-a por Fibra Óptica

A Intel apresentou no IDF, a sua nova tecnologia óptica.

Esta tecnologia servirá para ligar dispositivos electrónicos como se fosse uma “porta USB”. O Light Peak (nome de código) dá-nos uma largura de banda máxima aproximada de 10 gigabits por segundo, mas pode vir a crescer até 100 gigabits/segundo.

Segundo a Intel, com estas velocidades podemos transferir um filme Blu-ray em cerca de 30 segundos.

Esta nova tecnologia permite usar cabos e usar vários protocolos sobre o mesmo cabo. Podendo assim ligarmos diferentes tipos de periféricos. Segundo a Intel, esta tecnologia estará pronta para venda em 2010.

Comentários